A VIDA E OS QUATRO CHAMADOS

 

 

bap
Jesus veio na INFÂNCIA,
E rogou, “deixe-me entrar.”
Mas oh! A porta estava trancada
Pela negligência e pecado,
“Eu sou tão jovem”, replicou a criança,
“Eu não quero aceitá-lo hoje.
Amanhã terei tempo suficiente.”
Jesus foi embora.

Novamente Ele voltou e rogou,
No alegre momento da radiante JUVENTUDE.
Ele veio, mas não ouviu resposta,
Seduzido pelo poder do diabo,
O ocupado jovem sonhador naquele tempo,
Disse: “Hoje não;
Eu tenho que experimentar os prazeres do mundo”.
Jesus foi embora.

De novo Ele chamou em Sua misericórdia,
Na plenitude e vigor da FASE ADULTA.
Mas Ele ainda não encontrou boas vindas,
O trabalhador não tem tempo,
Sem tempo para arrependimento verdadeiro,
Sem tempo para pensar ou orar.
E dessa maneira, rejeitado e triste,
Jesus foi embora.

Uma vez mais Ele chamou e esperou,
O homem está VELHO e doente.
Ele mal pode ouvir o sussurro,
Seu coração está frio e quieto.
“Vá, deixe-me; quando eu precisar de Ti
Eu chamarei”, ele exclamou.
Então deitado em seu travesseiro,
SEM UMA ESPERANÇA, ele morreu.

 

(Autor desconhecido…)

Leia também