ORAÇÃO DA MODERAÇÃO

 

balance_scale

Modera-me, Senhor.

Afrouxa o palpitar do meu coração,

Firma-me o acelerado passo.

Dá-me por entre a confusão do meu dia, a serenidade Dos montes eternos.

Faz cessar as tensões de meus nervos e músculos.

Ensina-me a arte de tirar férias momentâneas

No contemplar uma flor, no acariciar uma criança,

No ler algumas linhas de um bom livro.

Permite-me olhar acima,

Aos ramos das árvores altaneiras,

E saber que elas cresceram tanto e tão robustas

Porque cresceram devagar e bem.

Modera-me, Senhor,

E inspira-me deitar fundo as raízes no solo Dos perduráveis valores da vida.

 

(Luiz Waldvogel, Você e Deus)

Leia também