ORAÇÃO DE UM IDOSO

old-man-reading

Senhor! Estou ficando velho. Ajuda-me a evitar que me torne muito falador, desagradável e veemente a respeito das coisas.

Ajuda-me a saber quando já falei o que devia. Ensina-me a chegar rapidamente ao ponto principal do que estou contando.

Faze com que eu não comece a contar a vida de todas as pessoas que eu mencionar ou que conheça.

Que eu nunca fale da ingratidão alheia.

Que eu não canse os demais, falando de minhas dores físicas, a não ser para meu médico.

Ajuda-me a manter meus velhos amigos e a encontrar novos, sem aborrecê-los.

Impõe-me a obrigação de ser afável com as pessoas e agradável aos que comigo conversam.

Ajuda-me a manter correspondência com os parentes e amigos.

Faze com que eu cuide apenas dos meus assuntos e que não me intrometa nos assuntos e problemas alheios.

E acima de tudo, Senhor, ajuda-me a manter meu velho senso de humor e toda a minha auto-crítica.

Ajuda-me a perdoar meus amigos para que eles possam perdoar os defeitos que encontram em mim.

E mais, Senhor! Ajuda-me a não ser um velho ranzinza, criador de casos, rabujento, implicante e metido a conselheiro.

Então, Senhor, serei útil, acima de tudo, a mim mesmo.

(Luiz Waldvogel – Você e Deus, págs. 54, 55)

Leia também